quinta-feira, 30 de agosto de 2007

O carro, parte II

Será que tenho um carro ou uma espaçonave??? Lol....



Passadas 2 horas dos tais 2 minutos, a sra da carglass liga-me novamente (claro k toda a gente sabe q 2 min em tempo neptuniano equivalem a 2 horas em tempo terrestre...a ver se da próxima vez tenho atenção ao fuso planetário em questão...) e diz-me que não tem o vidro para o meu carro.

Sou condutora de uma relíquia!!! Um fiat grande punto do longínquo ano de....2007!!!

No problem, respondo, qdo tiver o dito cujo ligue-me...entretanto não me posso esquecer de não deixar as Trident no carro...

Mais episódios em breve...



Entretanto, deixo-vos um verdadeiro condutor de uma espaçonave...incrível ;)

amigos...

"Existem pessoas em nossas vidas que nos deixam felizes pelo simples fato de terem cruzado o nosso caminho. Algumas percorrem ao nosso lado, vendo muitas luas passarem, mas outras apenas vemos entre um passo e outro. A todas elas chamamos de amigo. Há muitos tipos de amigos. Talvez cada folha de uma árvore caracterize um deles. O primeiro que nasce do broto é o amigo pai e o amigo mãe. Mostram o que é ter vida. Depois vem o amigo irmão, com quem dividimos o nosso espaço para que ele floresça como nós. Passamos a conhecer toda a família de folhas, a qual respeitamos e desejamos o bem. Mas o destino nos apresenta outros amigos, os quais nao sabíamos que iam cruzar o nosso caminho. Muitos desses denominados amigos do peito, do coração. São sinceros, são verdadeiros. Sabem quando não estamos bem, sabem o que nos faz feliz...Às vezes, um desses amigos do peito estala o nosso coração e então é chamado de amigo namorado. Esse dá brilho aos nossos olhos, música aos nossos lábios, pulos aos nossos pés. Mas também há aqueles amigos por um tempo, talvez umas férias ou mesmo um dia ou uma hora. Esses costumam colocar muitos sorrisos na nossa face, durante o tempo que estamos por perto. Falando em perto, não podemos esquecer dos amigos distantes. Aqueles que ficam nas pontas dos galhos, mas que quando o vento sopra, sempre aparecem novamente entre uma folha e outra. O tempo passa, o verão se vai, o outono se aproxima, e perdemos algumas de nossas folhas. Algumas nascem num outro verão e outras permanecem por muitas estações. Mas o que nos deixa mais feliz é que as que caíram continuam por perto, continuam alimentando a nossa raíz com alegria. Lembranças de momentos maravilhosos enquanto cruzavam o nosso caminho. Desejo a você, folha da minha árvore: paz, amor, saúde, sucesso, prosperidade... Hoje e sempre... Simplesmente porque cada pessoa que passa em nossa vida é única. Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós. Há os que levaram muito, mas não há os que não deixaram nada. Esta é a maior responsabilidade de nossa vida e a prova evidente de que duas almas não se encontram por acaso."


Dedicado a João Martins, um amigo que se cruzou na minha vida por um período demasiado curto...

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

O carro

Na semana passada assaltaram-me o carro da empresa. Sinceramente, antes o deles k o meu :p
Até pq o meu está sem seguro...
O carro é um grande punto deste ano, e partiram o vidro pequeno à frente do vidro da porta do condutor (o k dá sempre algum trabalho a explicar.... "não é o vidro da porta, é aquele pequenino ao lado do retrovisor, está a ver? Sim, existe aí um vidro...."), tendo os srs assaltantes levado apenas a minha bolsa de cd's (grr...) e uma caixa de pastilhas trident (sacanas!!!!), de entre toda a tralha k lá tinha. Tenho o péssimo hábito de deixar tudo no carro, especialmente quando venho cansada do gym, ou seja, praticamente todos os dias.
Bem, na manhã em causa vou para o carro, por acaso nem ia sair, ia apenas desviá-lo do portão para a mummy sair com a banheira dela, vejo o espectáculo, fico 10 seg especada a olhar para o vidro partido (foram só 10 seg pq a minha mãe veio ver a que se devia a cara de parva), a dizer "não acredito nisto"....como se pelo facto de eu ficar especada a olhar, a situação mudasse...ah o vidro está partido, deixa-me só esfregar os olhos a ver se isto passa...lol.
Enfim, ligo para a empresa, para saber o k keriam k eu fizesse...quando vem a 1ª pérola:
-"Conhece quem lhe partiu o vidro?"
-"?!?!?!? Erm....não. Devia????" (eles não me acabaram de perguntar isto, pois não???? Deixem-me esfregar os ouvidos....)
-"Pois... Agora tem que chamar a polícia para fazer a participação (really??? até aí já eu tinha chegado...) e depois fazer a reparação do vidro (agora estás a chegar onde eu quero...)"
-"e posso ir a uma oficina qualquer ou querem que vá a uma específica?"
-"ah, nós aqui costumamos ir à coisoetal-glass (nem percebi o nome), cá em viseu"
-"hum, hum....está a dizer-me para ir substituir um vidro a viseu? (calma, Di, respira....eles n têm culpa de ser assim....)
-"Não, pois, tem razão, eu vou ver uma lista das oficinas disponíveis e depois ligo-lhe"
-"ok, fico à espera"
-"continuação de umas boas férias!!!!"
No comments....
Passados 2 dias lá me manda uma lista por mail das oficinas (podia ter dito logo k era carglass), com as moradas e nº de telefone. Simpático. Ligo para a que me fica mais perto:
-"Estou??"
-(eu)"Estou, bom dia, fala da carglass?" (estranho, normalmente apresentam-se logo...)
-"Fala de onde??" (mau...)
-"Erm...estou a perguntar-lhe se fala da carglass..."
-"Não, isto é uma casa particular."
-"hum, ok, desculpe, tenha um bom dia"
Grr.....
Tentativa nº 2, para outro nº:
-"Bom dia, bem vindo à carglass, blá blá blá" (muito melhor...)
-"Bom dia, aconteceu-me isto assim assim, quero marcar uma data para substituição do vidro"
-"blá blá blá..." (dados da apólice de seguro e do carro)
-"fiat punto, deste ano, vidro minorca, etc"
-"quantas portas?"
-"3"
-"blá blá, só um momento....tem a certeza que o carro tem 3 portas?"
-"?!?!?!?!?....huh....da última vez que reparei tinha, 2 de lado e uma atrás, no porta-bagagens..."
WTF?!?!!? se tenho a certeza?!?!?
-"só um momento....é o grande punto?"
-"sim..."
-"ah, então está bem"
ok, assim já pode ter 3 portas....
-"blá blá, vou transferi-la para a oficina mais perto, não desligue"
-"ok, obrigado por deixar que o carro tenha 3 portas"
Da outra oficina:
-"blá blá blá...é o grande punto x?"
-"sim."
-"Ah, mas eu não tenho o vidro para essa viatura."
-"Siiimmmm?" (e eu com isso??? vão comprá-lo....)
-"Temos que o mandar vir, nem sei se lho arranjo, vou ver com outra oficina, mas não sei, deixe-me aqui ver....humm...eu ligo-lhe já, vou ver se arranjo o vidro, é isso, ligo-lhe daqui a dois minutos"
-"ok" (2 minutos?? muito precisa....por mim td bem :p)

Isto foi há uma hora atrás.....acho que a saga vai continuar....

terça-feira, 28 de agosto de 2007

Ufa!

Estou cansadita.

Acabei de vir do gym, e já estou devidamente jantada...as mordomias de ter a mummy em casa, hehehe. Hj foi mais um dia de dondoca, nestas minhas férias muito caseiras: estética/cabeleireiro de manhã, gym, praia....era capaz de me habituar a isto :p

E para acabar bem, vou a uma sessão de home movie daki a nada.



Vou declarar guerra às minhas borbulhas, estou farta de volta e meia parecer um ferrero rocher...humpft. Borbulha-killer ao ataque!!!! Lol.



Quote of the day: "Atitude é aquela pequena coisa que faz uma enorme diferença..." ;)



A partir daqui ponho-me a pensar que vivermos a nossa vida com garra, com a tal atitude, às vezes pode ser cansativo e desgastante, mas marca a diferença entre viver a vida ou vê-la a passar por nós...e eu quero vivê-la.

Cheguei


Imagino-me a espreitar por uma porta, que dá para uma sala. Está na semi-obscuridade, pelo que espero um pouco até acostumar os olhos. Está praticamente vazio. No meio da sala, uma secretária com alguns papéis espalhados, outros caídos no chão, uma cadeira. Um sofá de aspecto acolhedor a um canto...uma janela que de dia deixa o sol entrar bem como a brisa do mar...

Mas agora a sala é inundada pelo brilho lunar...




Cheguei, estou em casa :)